Por Rafael Vaz | 3 de dezembro, 2016

Fazer salgados para vender dá dinheiro?

Ó dúvida cruel... Será que fazer salgados para vender é lucrativo?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

Avaliação: 4,81 de 5 | 16 pessoas avaliaram

Fazer salgados para vender dá dinheiro?

Quem não sonha em ter independência financeira a partir de um negócio próprio, não é mesmo? Milhares de brasileiros sonham com isso diariamente!

Agora eu pergunto: de tantos negócios possíveis, quantas pessoas não desejam fazer salgados para vender? Pois é, com certeza muitos brasileiros veem nos salgados a oportunidade de melhorar sua renda, e para aqueles com visão empreendedora, a chance real de fazer disso seu tão desejado negócio próprio.

Se você é um desses sonhadores, está no lugar certo, pois vou dar dicas valiosas que poderão representar o início de sua caminhada rumo ao sucesso.

[Leia Também] Fazer Curso de Salgados Vale a Pena?

Vender salgados dá dinheiro?

Independentemente da atividade escolhida, esse é sempre um dos primeiros questionamentos, e se pararmos para pensar, trata-se de uma visão bem popular, representa o sonho de querer ter dinheiro para ter uma vida minimamente tranquila.

Respondendo a pergunta, para saber se vender salgados dá dinheiro, ou melhor, se é possível lucrar com a venda deles, é preciso saber se há demanda.

“E aí Rafael, há ou não demanda?”

Em se tratando de algo que é uma paixão nacional, é óbvio que há demanda! E dá dinheiro!!!

Vender coxinhas, maravilhas, risoles, kibes, mini-pizzas, empadas, tortas, pães recheados, mistinhos, croissants e tantos outros salgados, com certeza é lucrativo. Imagine quantos salgados desse tipo são comercializados diariamente.

“Mas que tipo de clientes poderão comprar meus salgados?”

Todos os clientes que você desejar! Se você quiser vender para os seus amigos, eles irão comprar. Seus parentes, eles irão comprar. Seus vizinhos? Sim, eles também irão comprar.

“E se eu quiser sair por aí vendendo, batendo de porta em porta?”

Bom, eu só tenho uma coisa a lhe dizer, muita gente irá comprar seu salgados.

E não para por aí, imagine-se vendendo seus salgados para uma cartela de clientes com alto poder de compra, como empresas, buffets, restaurantes, lanchonetes, carrinhos de pastéis…

“Carrinho de pastéis???”

Sim, existem pasteleiros que focam apenas nos pastéis. Em muitos casos isso ocorre por não haver espaço físico que permita manter os salgados refrigerados por um longo período. Ou seja, você pode ter clientes pasteleiros!

“Então eu vou ser uma máquina de vender salgados?”

Sim, será! Será uma máquina de vender salgados se tiver amor por isso e ter a consciência de que a qualidade, sabor, higiene, atendimento e persistência devem estar sempre em primeiro lugar.

“Se realmente dá dinheiro, quanto eu poderia ganhar com a venda de salgados?”

Isso vai depender única e exclusivamente do seu esforço e das condições de trabalho. Há quem ganhe R$ 500, R$ 1000, R$ 2000, R$ 3000, enfim… Não há um valor pré-estabelecido.

Eu posso dar um exemplo do quanto você pode ganhar com a venda de 100 coxinhas grandes (110g), que são vendidas em feiras livres, bares, entre outros.

Para fazer 100 coxinhas grandes, você terá a seguinte despesa aproximada:

  • 4 kg de Frango = R$ 32,00
  • 3 kg de Farinha de Trigo = R$ 6,00
  • 4 cebola inteiras = R$ 1,50
  • 1 maço de cheiro verde = 1,00
  • 15 dentes de alho = 1,80
  • 500 g de margarina = R$ 4,00
  • 5 Caldos de Galinha = 1,50

Sem contabilizar outros custos, como água, gás, luz e sua mão de obra, você tem a seguinte despesa:

  • Total = R$ 47,80

Se você vendê-los crus para aquela tal cartela de alto poder de compra, digamos que você comercialize cada unidade por R$ 2,50.

“Mas só R$ 2,50?”

Esse seria um valor justo para venda no atacado, onde seus principais clientes são estabelecimentos que trabalham com a revenda dos salgados e eles precisam ter lucro. Neste caso, já considerando os custos para fritar, eles teriam uma boa margem lucro, pois hoje dia um salgado grande tem preço médio em torno de R$ 5,00 a R$ 6,00.

A partir desse preço (que não é definitivo, apenas um exemplo possível), se você vender 500 salgados por semana, temos a seguinte conta:

  • R$ 2,50 x 500 = R$ 1250 em vendas
  • Despesas com ingredientes = R$ 239
  • R$ 1250 – R$ 239 = R$ 1011 em ganhos

Que tal?

Agora multiplique isso por 4 semanas (que equivale a 1 mês)…

  • R$ 1011 x 4 = R$ 4044 em ganhos

Seria o sonho começando a se tornar realidade!

Mas saiba o seguinte, desses R$ 4044 ganhos, há a sua mão de obra, que representa seu salário. Tal valor deve ser separado desse montante, assim como os custos com água, gás, luz, entre outros gastos que você possa ter. E para saber quanto equivale um e outro, será necessário fazer algumas contas.

“Não, para! Sou ruim em contas.”

Pois é, mas para que seu negócio cresça, você tem que calcular tudo, inclusive a mão de obra, algo que muita gente deixa de lado.

De qualquer forma, não precisa se desesperar, eu tenho uma solução excelente para isso, e você só terá o trabalho de informar os dados referentes a sua produção, pois o resto será calculado automaticamente.

Planilha para calcular o preço de venda de um produto e seu lucro

Cálculo de preço de venda de coxinhas
Simulação de preço de venda de cento coxinhas

Aqui está a solução para o início do seu negócio, uma planilha do Excel onde você poderá calcular o preço do seu produto e o lucro (e muito mais!).

Essa planilha é fundamental para quem deseja iniciar um negócio e não tem ideia do quanto cobrar por seu(s) produto(s), e até mesmo para quem deseja apenas descobrir o preço de algo que tenha sido feito apenas para um amigo ou parente. Com ela, você terá a oportunidade de cobrar o preço justo, sem ser muito caro, nem muito barato.

Recursos da Planilha para Calcular o Preço de Venda de um Produto:

A partir dessa planilha, você obterá o preço de venda do seu produto de acordo com a margem de lucro desejada. Além disso, você conseguirá calcular a sua mão de obra e os custos gerados ao utilizar gás, luz, água, entre outros itens que impactem diretamente na sua produção.

“Mas tenho mesmo que calcular tudo isso, Rafael?”

Sem dúvida, pois tudo tem um preço, então é preciso calcular, caso contrário você perderá dinheiro!

Outro recurso muito útil dessa planilha é descobrir quanto você terá que investir para aumentar sua produção. Digamos que você informou os ingredientes e as respectivas despesas e custos para produzir 100 unidades de salgados. Com um simples clique você saberá o necessário para produzir, por exemplo, 1500 salgados. A planilha vai informar a quantidade de ingredientes que você vai precisar, assim como também mostrará os valores das despesas, custos, mão de obra, lucro e o preço de venda.

Se você deseja saber mais detalhes sobre essa planilha, tem uma página especial com todas às suas características e uma videoaula onde mostro como utilizá-la. Veja no link abaixo:

Planilha para calcular preço de venda

Considerações finais

Como você bem pôde ler, salgados são uma ótima oportunidade para começar um negócio próprio. O Brasil ama salgados e há demanda suficiente para você ganhar dinheiro com a sua produção e ter muito sucesso. Sucesso esse que vai depender da qualidade do seu produto, do atendimento (importantíssimo), do marketing e do seu empenho.

Nada é fácil nessa vida, mas com amor e paixão pelo o que faz, e acreditando que as coisas darão certo, é possível atingir os objetivos.

Não deixe que pensamentos pequenos atrapalhem sua caminhada. Ninguém disse que ela seria sem obstáculos, mas eles surgem para você possa pulá-los e partir para o próximo, sempre com muita vontade para chegar no destino final e dizer: venci!

Você pode vencer!!!

[Leia Também] Fazer Curso de Salgados Vale a Pena?

Sobre o autor

Rafael Vaz

Rafael Vaz é apaixonado por fazer e comer salgados, e ele utiliza este espaço para compartilhar receitas e dicas para você ter sucesso com os mais diversos tipos de quitutes.

Se você quer aprender a fazer salgadinhos, quer buscar inspiração para as suas receitas ou realizar um TREINAMENTO ONLINE para dar o passo que necessita para criar ou alavancar o seu negócio em casa ou fora, cadastre seu e-mail logo abaixo.

Você quer aprender a fazer salgadinhos?
Quer receber receitas e dicas para trabalhar com eles?

9 comentários em “Fazer salgados para vender dá dinheiro?”

  • Gildásio
    16 de Fevereiro, 2017 às 20:03

    Quero receber a planilha de gastos.

  • ronnaldo
    17 de Maio, 2017 às 16:31

    bacana este post…show de bola parabéns….ultimamente estou apreciando matérias deste tipo…falow abcs

  • Thiago
    13 de junho, 2017 às 22:33

    15R$ é só a planilha ou tem algum curso ou algo para encrementar ?

  • Raquell
    29 de agosto, 2017 às 21:22

    É muito interessante ver que algo tão gostoso pode ser o futuro empreendimento, como você disse, salgado é algo que praticamente todos gostam, por isso é muito bom de vender.
    Gostei muito do seu artigo, está de parabéns!

  • Anderson Santos
    11 de setembro, 2017 às 23:34

    Olá não consegui entender o cálculo na planilha, por exemplo tentei fazer o cálculo de de 100 coxinhas médias conforme o exemplo acima:

    4 kg de Frango = R$ 32,00
    3 kg de Farinha de Trigo = R$ 6,00
    4 cebola inteiras = R$ 1,50
    1 maço de cheiro verde = 1,00
    15 dentes de alho = 1,80
    500 g de margarina = R$ 4,00
    5 Caldos de Galinha = 1,50

    Jornada de trabalho
    Dias 5
    Horas 8
    Salário Base R$ 1500 (Queria uma explicação aqui!)

    Produção
    QTD:100
    Tempo Gasto:2h

    Custo
    Luz: 8%
    Lucro:60,00 (Queria uma explicação aqui!)

    Relatório
    Tempo Gasto na Produção: 2:15 minutos
    Valor hora trabalhada : 9,38

    Matéria Prima: 47,80
    Custos : 1,50
    Mão de Obra: 18,75
    Lucro: 40,83
    Preço de venda:108,88(Não entendi esse preço de venda, não pode ser de uma coxinha, e se eu dividir por 100, da um valor de venda muito baixo, não sei como achar o preço de venda de uma unidade.)

    Help.

    1. Rafael Vaz
      12 de setembro, 2017 às 03:14

      Olá, Anderson. Tudo bom? Veja, o salário base serve para que possamos encontrar o valor da hora trabalhada, que por sua vez possibilitará fazer o cálculo da mão de obra de acordo com o tempo gasto na produção do produto. Ou seja, eu pego o salário base e divido pela quantidade de horas trabalhadas no mês. Tendo o valor de cada hora, eu multiplico pelo tempo gasto na produção do produto.

      Em se tratando de coxinha médias ou grandes, a margem de lucro é maior, bem maior. Podemos trabalhar com algo em torno de 200%, pois o valor de mercado permite isso. Já os salgados pequenos (de festa) nem tanto, por isso devemos trabalhar com uma margem menor. É por isso que o valor que você obteve foi bem abaixo do normal.

      Você pode aumentar a margem de lucro para 200% e os custos de 8% para 20%, pois os salgados grandes necessitam de mais fogão e mais água, por exemplo.

      Com isso, ao obter o preço final do cento das coxinhas médias, no campo “revelar despesas para” você pode adicionar 1 para descobrir o valor unitário.

      Acho que é isso…

      Caso tenha ficado com dúvidas, estou à disposição!

      1. Anderson Santos
        12 de setembro, 2017 às 09:10

        Esclareceu sim, agora imagine ajustar a tabela para revenda, para poder vender a 2,50, como poderia ser meu % lucro?

Comentário